Arché

Arché é um conceito presente entre os filósofos pré-socráticos. Proveniente do grego antigo, Arché (ἀρχή) significa “princípio” “causa”, “origem”. Este conceito foi empregado pela primeira por Aristóteles para referir-se ao elemento primordial pelo qual os filósofos pré-socráticos buscavam explicar a constituição e origem da natureza (physis).

Arché de cada filósofo

FilósofoArché
Tales de MiletoÁgua
AnaximandroÁpeiron (ilimitado)
AnaxímenesAr
Pitágoras, Filolau de Crotona, Arquitas de TarentoNúmero
HeráclitoFogo
Empédocles4 elementos: Água, terra, fogo e ar
AnaxágorasHomeomerias (Sementes)
Demócrito, LeucipoÁtomos

Tales de Mileto

Tales de Mileto, o primeiro filósofo da história, defendia a água como princípio (arché) constitutivo e causa de todas as coisas.

A conclusão foi baseada em sua observação de que todas as coisas são nutridas pela umidade, que o calor é gerado e conservado a partir dela. As plantas, sementes e os alimentos (essenciais para a conservação da vida) são úmidos e tudo o que morre, seca.

Anaximandro

Segundo Anaximandro de Mileto, a arché é o ápeiron (ἄπειρον), palavra grega que significa “ilimitado”, “indeterminado”, “indefinido”. Sem começo nem fim, o ápeiron está presente em todas as coisas e tudo governa.

Diferente da água de Tales, o ápeiron não é um elemento material.

Anaxímenes

Para Anaxímenes de Mileto, o ar é a arché que, por meio de sua condensação e rarefação, confere existência a todas as coisas.

Pitágoras

O filósofo e matemático Pitágoras, sustentava que os números eram o princípio gerador e organizador de tudo. Da mesma forma pensava os filósofos pitagóricos Filolau de Crotona e Arquitas de Tarento

Heráclito

Heráclito, o filósofo obscuro, sugeriu que a substância primordial era o fogo.

Empédocles

Empédocles propôs não apenas 1 elemento como princípio, mas 4. São eles:

  • fogo;
  • terra;
  • água;
  • ar;

Anaxágoras

Anaxágoras dizia que todas as coisas eram compostas por sementes (homeomerias). Estas sementes, eternas e imutáveis, seriam organizadas por uma Inteligência cósmica denominada Nous.

Demócrito

De acordo com Demócrito de Abdera, toda a realidade é constituída por átomos e vazio. Todas as coisas do mundo são formados pela combinação e separação desses átomos infinitos e imperceptíveis. Leucipo de Abdera também compartilhava desta teoria.

arché

Referências

ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de Filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

BURNET, John. A aurora da filosofia grega. Trad. de Vera Ribeiro. São Paulo: Contraponto, 2006.

NEWSLETTER

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze + nove =